Share, , Google Plus, Pinterest,

Print

Posted in:

Se Você Gosta de ‘Criminal Minds’ Você Vai Gostar da Nova Série do Netflix

O David Fincher criou uma das séries mais populares no Netflix nos últimos anos. ‘House of Cards‘ está a frente em conteúdo original em serviços de streaming e foi a série que abriu espaço para todas as outras em serviços de streaming que vieram depois. E agora, ele está trabalhando em uma nova série para o Netflix, e a idéia pode parecer um pouco familiar para você.

De acordo com o The Hollywood Reporter, David Fincher, junto com Charlize Theron, está trazendo a série ‘Mindhunter’ para o Netflix. A série é baseada no livro de 1996 ‘Mind Hunter: Inside the FBI’s Elite Serial Crime Unit’ de John E. Douglas e Mark Olshaker. O livro conta a história verdadeira do trabalho de Douglas como profiler de serial killers e criminosos sexuais FBI.

Só tem um problema com esta ideia. É basicamente a mesma história da série da CBS (aqui passa no AXN), Criminal Minds.

Para os que não estão familiarizados, Criminal Minds mostra o trabalho de uma equipe de profilers do FBI que são especializados em analizar padrão, de atualmente ativos – você adivinhou – serial killers e criminosos sexuais. Ao invés de olhar para os crimes pelo ponto de vista das vítimas e tentar descobrir quem é o UNSUB (Unknown Subject Of An Investigation) focando em desenvolver o perfil do criminosos baseado no que eles encontram em suas vítimas.

Este processo de “profiling” (desenvolver o perfil) é o que foi estudado profundamente por John E. Douglas durante seu tempo como agente do FBI. Ele ensinou criminologia psicológica aplicada na academia do FBI, Quantico, para agentes e policiais de todo os EUA. Ele criou e gerenciou o “Criminal Profiling Program” do FBI e passou anos viajando pelos EUA entrevistando os mais perigosos e infames serial killers.

A nova série de David Fincher, Mindhunter, pode ter inspiração direta do livro de John E. Douglas, mas ‘Criminal Minds’ com certeza usa na alma. O primeiro time de profiling que Douglas fez parte no FBI foi Behavioral Sciences Unit (BSU), que é quase idêntico ao time de Criminal Minds, que trabalha no Behavioral Analysis Unit (BAU).

‘Mindhunter’ vai ter que descobrir uma forma substancial de se distinguir de ‘Criminal Minds’, principalmente pelo fato de que a série agora está na sua décima primeira temporada. E parece que vai ser difícil encontrar histórias originais deste tipo. E considerando que ‘Criminal Minds’ pode ser bem instenso, pode ser que ‘Mindhunter’ não consiga superar o fator “OMG, eles mostraram isso mesmo?”.

Isso pode ser ruim para o Netflix, já que todos que assistem Criminal Minds provavelmente vão querer saber como será Mindhunter. E se em algum ponto rolar algo do tipo “Ah, eu já vi isso antes” assistindo à série da Netflix provavelmente vão acabar desencanando.

Ainda é cedo no processo de desenvolvimento de Mindhunter, então ainda não há informações sobre o elenco, ou se a série será baseada em algum personagem principal, ou no time de profilers, como no caso de Criminal Minds’.

Fonte: TRH / CinemaBlend

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *